O Menino Mais Rico do Mundo

Teatro
Teatro Ágora
23/06/12 a 29/07/12 -
R$ 20,00

O monólogo musicado O Menino Mais Rico do Mundo, com Danilo Dalfarra, estreia no dia 23 de junho, sábado, às 17h, no teatro Ágora, sob direção de Bete Rodrigues.

O monólogo musicado O Menino Mais Rico do Mundo, com Danilo Dalfarra, estreia no dia 23 de junho, sábado, às 17h, no teatro Ágora, sob direção de Bete Rodrigues. Tata Fernandes assina os arranjos da eclética trilha original, que traz letras de Xico Abreu, responsável pela dramaturgia. Apresentações sábados e domingos, às 17h, até 29 de julho.

A narrativa moderada e poética deu asas à direção para brincar, tentando criar um impacto entre a realidade e a imaginação do espectador. A ideia é fazer uma metalinguagem do teatro com a vida, em um espetáculo ágil, que propõe a revisão de ideias, através de conceitos simples como o "RRR" (Reduzir, Reutilizar e Reciclar).

“A metalinguagem é uma proposta diferente para o público infantil, mas que também cabe nas expectativas dos adultos”, diz a diretora Bete Rodrigues, que faz programas infanto-juvenis na TV Cultura, há 23 anos, e tem trabalhos conhecidos mundialmente, como o teatro Rá-Tim-Bum. É dela também a direção do Vila Sésamo, que levantou a audiência da emissora, empatando com a Record e a Band, em 2007.

A opção pela ausência de cenário partiu do ponto de vista artístico levando em conta principalmente a reação do público infantil, para quem a função educativa não aparece, mas está lá. “Esse nenhum lugar e tantos outros locais por onde o personagem passa, lembra ou está facilita o uso da imaginação de cada um da plateia para formar a cenografia que quiser - a jabuticabeira, a escola, a rua, pois na encenação ele está num palco de teatro de outra peça que ainda não começou”, explica Bete Rodrigues.

O menino quase moço, João (Danilo Dalfarra), que transforma lixo em algo novinho em folha, entra por acaso no teatro para recolher cacarecos para a reciclagem e resolve bater um dedinho de prosa com a plateia. O rapazote conta sua história, que pode parecer falta de sorte, mas ele é feliz. A meta é levar o espectador, independente da idade, a perceber que tudo ao seu redor pode ter um significado diferente, se ele reciclar o olhar.

Despertar a consciência do espectador de maneira espontânea, mostrando que é possível fazer pequenas coisas para viver melhor, ajudar alguém e o planeta é a diretriz do monólogo, que prima pela interpretação naturalista, em uma roupagem diferente, sem alguns dos recursos usuais em espetáculos infantis, como o cenário colorido e a presença de mais de um ator.

Foto por: DIVULGAÇÃO
Teatro Ágora Cidade: São Paulo - SP Preço: R$ 20,00 Endereço: Rua Rui Barbosa, 672 – Bela Vista
Datas: 23 de junho a 29 de julho de 2012
Horários: sábados e domingos, 17h Telefone: 3284-0290

TAGS: