§script

David Bowie

Exposição - 31/01/14 a 20/04/14 @ Museu da Imagem e do Som - MIS

Entre os dias 31 de janeiro e 20 de abril de 2014, o MIS recebe a exposição David Bowie. Primeira retrospectiva internacional sobre a carreira do artista britânico, a mostra – originalmente intitulada David Bowie Is – aterrissa em São Paulo, após enorme sucesso em Londres, onde ficou em cartaz no Victoria and Albert Museum (V&A), e antes das demais capitais europeias.

David Bowie traz cerca de 300 itens relacionados ao artista - como manuscritos de letras de músicas e figurinos originais. Para completar, os visitantes serão acompanhados por uma experiência sonora (com fones de ouvido inclusos no valor do ingresso), proporcionada pela empresa alemã Sennheiser. 

O V&A, um dos mais importantes museus do mundo na área de design, teve acesso sem precedentes ao The David Bowie Archive para criar esta exposição. Além de set lists, letras de músicas, manuscritos, instrumentos e desenhos, a mostra brasileira inclui 47 figurinos, trechos de filmes e shows ao vivo, videoclipes e fotografias.

Organizada tematicamente, leva os visitantes a uma viagem por meio de inúmeros personagens de Bowie e performances lendárias, destacando suas influências artísticas e suas experiências com o surrealismo, o expressionismo alemão, a mímica e o teatro Kabuki.

Entre os figurinos que compõem o inventário da mostra, estão peças do álbum Aladdin Sane, como o macacão assimétrico feito de vinil (Tokyo Pop) assinado por Kansai Yamamoto e a bota plataforma vermelha, ambos usados na turnê do álbum em 1973; o terno azul claro usado na gravação do promo feito para Life on Mars? e o conjunto de calça e jaqueta multicoloridos, de Freddie Burretti, feito para a turnê Ziggy Stardust. 

A produção fotográfica também traz interessante material, como a foto promocional feita para a banda The Kon-rads, quando Bowie tinha apenas 16 anos; uma colagem feita por Bowie a partir de stills do vídeo de The Man Who Fell to Earth; e outra imagem dele com o escritor William Burroughs, fotografados por Terry O’Neill, e colorida manualmente pelo cantor. 

A exposição coloca os visitantes dentro do processo criativo de Bowie e mostra como sua obra influenciou diversos movimentos artísticos. Ela apresenta o artista como um astuto observador da nossa sociedade, que sempre fez intervenções significativas na cultura, deixando um poderoso legado. 

O museu prepara uma extensa e especial programação relacionada ao artista, incluindo todos os programas regulares do museu como o Cinematographo e Estéreo MIS, e uma mostra com todos os filmes que Bowie participou.

Adicionar no Google Agenda Foto por:BRIAN DUFFY

Quem somos

Cristian Röthig

Programador

Vanessa Garcia

Conteúdo

Tatiane

Mídias Sociais

Fernanda

Conteúdo