Borboleta Azul

Teatro
Sede Luz do Faroeste
22/02/13 a 31/05/13 -
Pague Quanto Puder (Quem chega uma hora antes define quanto quer pagar depois de ter visto a peça) Antecipados ou reserva por R$ 40,00 (quem ligar antes para reservar lugar perde a vantagem do pague quanto puder)

O drama Borboleta Azul volta em temporada no palco do Sede Luz do Faroeste

Borboleta Azul é um drama escrito pelo dramaturgo Paulo Faria é ambientado em uma área rural do Brasil e traz elementos do romance O Estrangeiro, de Albert Camus, além de influências da obra de Guimarães Rosa.

Com abordagem sensível (e que dispensa as referências intelectuais), Paulo Faria conta a história de mãe e filha que moram em uma pensão decadente, em uma cidade ameaçada pela construção de uma usina.

A mãe, a amarga Cora (interpretada pela atriz Juliana Fagundes), e a filha caçula, Belbelita (Thais Aguiar), além de clientes, esperam uma visita. Há 30 anos, a mãe vendeu seu primogênito para que ele enriquecesse e voltasse para buscá-las. Surge um misterioso hóspede (Beto Magnani) que pode ser a chave para que elas possam deixar a cidade.

Artistas e Créditos

  • Beto Magnani
  • Juliana Fagundes
  • Thais Aguiar
Foto por: DIVULGAÇÃO
Sede Luz do Faroeste Possui acesso à deficientes Cidade: São Paulo - SP Preço: Pague Quanto Puder (Quem chega uma hora antes define quanto quer pagar depois de ter visto a peça) Antecipados ou reserva por R$ 40,00 (quem ligar antes para reservar lugar perde a vantagem do pague quanto puder) Endereço: Rua do Triunfo, 305 – Metrô Luz

Datas: 22 de fevereiro até 31 de maio de 2013
Horários: sexta, às 21h30.


TAGS: