Agronegócio

Teatro
Club Noir
12/03/13 a 04/04/13 -
Grátis

Agronegócio está na mostra contemporânea do Club Noir

Em Agronegócio, em cartaz no Club Noir, um assassinato é cometido em uma plantação de cana-de-açúcar. O proprietário é morto, mas sua cabeça, decepada, continua a falar. A peça entrecruza, poeticamente, uma série de discursos - de políticos, repórteres, policiais, boias-frias e latifundiários - sobre o agronegócio no Brasil.

A investigação do brutal assassinato, cometido por um trabalhador contra um latifundiário, é o fio narrativo da dramaturgia. “O texto se estrutura por meio de várias vozes que se alternam e se entrecruzam. É possível recompor uma narrativa (ou várias) a partir dos diferentes discursos, embora não seja, de fato, um enredo linear”, conta o autor Marco Catalão.

Trata-se de uma investigação policial onde o detetive é chamado para resolver um caso inusitado: uma cabeça que continua a falar mesmo depois de ter sido arrancada do corpo. É a cabeça de um grande industrial, dono de uma usina de cana-de-açúcar com milhares de trabalhadores.

Isso talvez ajude a elucidar o mistério. Mas outros vão surgindo ao longo da investigação, e o crime talvez seja apenas um detalhe.

Artistas e Créditos

  • Juliana Galdino
  • Fernando Gimenes
  • Frann Ferrareto
  • Gabriela Ramos
  • Jackeline Stefanski
  • Bruno Ribeiro
  • José Geraldo Jr.
Foto por: DIVULGAÇÃO
Club Noir Cidade: São Paulo - SP Preço: Grátis Endereço: Rua Augusta, 331 – Consolação

Datas: 12 de fevereiro a 7 de março de 2013
Horários: terças, quartas e quintas às 21h.

Telefone: 3255-8448 / 3257-8129

TAGS: